ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Evacuação de ecologistas é suspensa na Alemanha após acidente fatal

19/09/2018 20h09

Berlim, 19 Set 2018 (AFP) - As autoridades alemãs decidiram suspender nesta quarta-feira as operações de evacuação de militantes ecologistas que ocupam um bosque para impedir a expansão de uma mina de carvão, após a morte acidental de um jornalista.

"Não podemos agir simplesmente como se não tivesse acontecido nada", declarou à imprensa o ministro regional de Renânia do Norte-Vestfália, Herbert Reul.

Um homem, "aparentemente um jornalista", segundo a polícia, morreu nesta quarta após a queda de uma ponte que unia duas cabanas construídas nas árvores.

O bosque de Hambach, perto de Aachen, no oeste do país, está ocupado há anos por dezenas de militantes ecologistas, em alguns casos em casas nas árvores a até 25 metros de altura.

Trata-se de um "acidente trágico" que não está "ligado aos trabalhos de evacuação que estão sendo executados", afirmou a polícia de Aachen.

No sétimo dia da controversa operação, as forças policiais desmantelaram 39 das 50 casas construídas nas árvores.

A evacuação já levou a vários incidentes. No domingo, nove militantes ficaram levemente feridos e 34 foram presos.

Os ativistas querem impedir o corte de árvores planejados pelo grupo de eletricidade RWE, autorizado pelas autoridades, para permitir a expansão de uma mina de lignito, um tipo de carvão altamente poluente.

A RWE reagiu no Twitter ao que aconteceu, dizendo que está "profundamente chocada".

A floresta de Hambach tornou-se um símbolo dos adversários do carvão, que continua sendo uma importante fonte de produção de eletricidade na Alemanha, especialmente depois que o país decidiu, em 2011, abandonar a energia nuclear até 2022.

bur-ilp/fjb/sgf/ll

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia