PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

MIT anuncia universidade de inteligência artificial

15/10/2018 11h50

Washington, 15 Out 2018 (AFP) - O Instituto Tecnológico de Massachusetts (MIT) anunciou nesta segunda-feira que criará uma universidade de inteligência artificial (IA), com investimento inicial de US$ 1 bilhão, voltada para o uso "responsável e ético" da tecnologia.

O prestigiado centro informou que somará 50 novos membros à sua equipe para criar um espaço interdisciplinar de informática, inteligência artificial, ciência de dados e outros campos relacionados.

A maior parte dos recursos virá de uma doação de Stephen Schwarzman, presidente e co-fundador do gigante financeiro Blackstone. Por esta razão, a universidade será nomeada em sua homenagem.

"À medida que a tecnologia reconfigura nosso mundo, o MIT pretende garantir que isso seja para o bem de todos", disse o presidente do MIT, Rafael Reif.

O projeto representa o maior investimento individual em computação e inteligência artificial de uma instituição acadêmica americana, de acordo com uma declaração do MIT.

A iniciativa surge em meio a crescentes preocupações sobre os impactos da IA nas instituições globais e ao temor de que a China esteja ultrapassando os Estados Unidos neste campo.

"Não há oportunidade ou desafio mais importante para nossa nação do que aproveitar de forma responsável o poder da IA para que possamos permanecer competitivos globalmente e fazer progressos que melhorem toda a nossa sociedade", declarou Schwarzman.

"Estamos diante de questões fundamentais sobre como garantir que os avanços tecnológicos beneficiem a todos, especialmente aqueles mais vulneráveis às mudanças radicais que a IA trará à natureza da força de trabalho", acrescentou.

A nova universidade deverá ser inaugurada em setembro de 2019, com um novo prédio a ser concluído em 2022.