PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

KLM cortará até 2 mil empregos por coronavírus

A pandemia do coronavírus deixa o mundo em alerta e congestiona aeroportos  - Getty Images
A pandemia do coronavírus deixa o mundo em alerta e congestiona aeroportos Imagem: Getty Images

13/03/2020 19h53

Haia, 13 Mar 2020 (AFP) - A companhia aérea nacional holandesa KLM informou nesta sexta-feira que cortará até 2.000 empregos para combater o impacto do novo surto de coronavírus e anunciou outras medidas de redução de custos.

"Nos próximos meses, reduziremos de 1.500 a 2.000 empregos, o que significa que não apenas nas próximas semanas, mas nos próximos meses teremos menos colegas", disse o presidente-executivo da KLM, Pieter Elbers, em uma mensagem em vídeo, publicada no site da KLM.