PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

PIB da Ucrânia cai 15,1% no 1º trimestre; inflação chega a 18% em 12 meses

30.mai.22 - Fumaça sobe na cidade de Severodonetsk durante intensos combates entre tropas russas na região leste ucraniana de Donbass - ARIS MESSINIS/AFP
30.mai.22 - Fumaça sobe na cidade de Severodonetsk durante intensos combates entre tropas russas na região leste ucraniana de Donbass Imagem: ARIS MESSINIS/AFP

09/06/2022 14h30

O Produto Interno Bruto (PIB) da Ucrânia caiu 15,1% no primeiro trimestre de 2022 em comparação com o mesmo período do ano anterior, anunciou a agência estatal de estatísticas nesta quinta-feira (9), uma consequência direta da guerra com a Rússia.

O ministro das Finanças da Ucrânia, Sergiy Marchenko, disse à AFP em maio que esperava uma queda "de 45% para 50%" este ano. Por sua vez, o Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê uma queda de 35%.

De acordo com dados divulgados nesta quinta-feira pela agência estatal, a taxa de inflação do país anual atingiu 18%, embora tenha caído para 2,7% em maio. Os preços dos alimentos continuaram em alta, com destaque para os produtos básicos como arroz (+14,3%) e frutas (+11,5%).

De acordo com estimativas do banco central da Ucrânia, a taxa de inflação pode chegar a 20% ano a ano até o final de 2022.

Em 2 de junho, o banco central aumentou drasticamente sua principal taxa de juros de 10% para 25%, na tentativa de conter a inflação e proteger a grívnia, a moeda nacional, das consequências econômicas da invasão russa. A moeda ucraniana estava em torno de 29,5 grívnia por dólar nesta quinta-feira, um nível relativamente estável desde o início da invasão russa.