PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Congresso dos EUA aprova lei para impedir exorbitantes custos de envio de produtos

Vista do prédio do Congresso dos Estados Unidos, em Washington - Graeme Sloan/Sipa USA
Vista do prédio do Congresso dos Estados Unidos, em Washington Imagem: Graeme Sloan/Sipa USA

Da AFP

13/06/2022 23h05Atualizada em 13/06/2022 23h32

O Congresso dos Estados Unidos aprovou nesta segunda-feira (13) uma lei para impedir que as companhias de transporte marítimo subam demais seus preços enquanto a inflação rompe novos recordes.

O texto, que passou por unanimidade no Senado em março, foi votado com uma ampla maioria na Câmara dos Representantes, com 369 votos a favor e 42 contra.

"Essa lei ajudará a reduzir os custos para as famílias e garantir um tratamento justo para as empresas americanas", comemorou o presidente Joe Biden em um comunicado.

"Hoje, o Congresso democrata dá um novo passo em sua luta para aliviar o peso dos custos crescentes para as famílias e as pequenas empresas americanas", declarou, por sua vez, a presidente democrata da Câmara, Nancy Pelosi.

A lei busca melhorar a regulamentação dos transportes marítimos, ao permitir que um órgão especializado investigue suas práticas comerciais, entre outras medidas.

"A inflação é a maior fonte de frustração nos Estados Unidos agora mesmo, e as filas de espera em nossos portos são um dos principais fatores de alta dos preços que abordamos com essa lei", explicou Chuck Schumer, líder dos democratas no Senado.

O combate à inflação pode pesar sobre a economia americana, levando inclusive a temores de uma recessão.