Bolsas

Câmbio

Tesla trabalha para encontrar parceiro chinês para produção

Shai Oster

(Bloomberg) -- A Tesla Motors está procurando um parceiro chinês de produção para seus carros elétricos em um momento em que o cofundador Elon Musk prevê um futuro brilhante para os veículos autônomos.

O mercado da China tem um enorme potencial devido às preocupações com a poluição e o meio ambiente, disse Musk, em Hong Kong, nesta terça-feira. O bilionário realizou "uma série de reuniões de alto nível" com o governo, disse ele, sem dar detalhes.

A Tesla registrou suas vendas trimestrais mais fortes na China no período de três meses que terminou em setembro em um momento em que se prepara para iniciar as vendas de seu SUV Model X, neste ano. Garantir um parceiro local ajudaria a Tesla a contornar as tarifas de importação de pelo menos 25 por cento, mas respeitando os limites impostos pelas normais locais, que estabelecem um teto de 50 por cento para a propriedade estrangeira de empreendimentos de fabricação de automóveis.

Apesar de Musk ter alertado que a queda dos preços do petróleo poderia prejudicar o interesse em veículos movidos a eletricidade, a piora da poluição poderia ser vantajosa para as fabricantes de carros mais limpos, que são isentos de restrições como as cotas para licenciamento de placas em Pequim. Entre suas previsões para o futuro estão um caminhão da Tesla, um voo tripulado de sua empresa SpaceX para a Estação Espacial Internacional até o fim de 2017 e a aposta de que a maioria dos novos carros terá direção autônoma dentro de 15 anos.

Dirigir carros será como "ter um cavalo. Você o fará por razões sentimentais, não para transporte", disse Musk.

Recarga doméstica

A Tesla está trabalhando com o governo de Hong Kong, que tem o maior número per capita de veículos da marca, no lançamento de estações domésticas de recarga de energia. Isso poderia oferecer um modelo a ser seguido por outras cidades.

A Tesla é uma das várias empresas, incluindo a Alphabet (dona do Google), a Baidu, a General Motors e a Ford Motor, que estão trabalhando em tecnologias autônomas.

Enquanto Musk mira a China, o bilionário chinês do ramo de internet, Jia Yueting, busca iniciar uma nova planta de produção avaliada em US$ 1 bilhão em Nevada para sua empresa de carros elétricos, a Faraday Future, que revelou o protótipo de um supercarro de 1.000 cavalos de potência em Las Vegas, no início do mês.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos