Bolsas

Câmbio

Faraday promete carro elétrico mais veloz que Model S da Tesla

Alex Webb e Ying Tian

(Bloomberg) -- A montadora Faraday Future quis comprovar sua promessa de lançar o carro elétrico mais rápido do mundo, o FF91, mostrando imagens do veículo ultrapassando o Model S, da Tesla Motors Inc., em um evento pomposo em Las Vegas.

A startup de carros elétricos, financiada pelo bilionário chinês Jia Yueting, aposta em sua oferta de estreia para atrair apoio de investidores, muitos dos quais foram convidados para a apresentação em Las Vegas. O FF91 pode arrancar de zero a 60 milhas (97 quilômetros) por hora em 2,39 segundos, segundo a empresa. Mais veloz do que os 2,5 segundos do Model S P100D da Tesla, em seu modo mais 'insanamente' rápido.

O FF91, com 1.050 cavalos de potência, pode se mover a uma velocidade acima de 608 quilômetros de alcance, ajustado de acordo com os padrões da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA, na sigla em inglês), "suficiente para viajar de Los Angeles até o Vale do Silício com milhas de sobra", disse Peter Savagian, vice-presidente de engenharia de propulsão da Faraday Future, durante a apresentação. O carro também irá mostrar uma interface personalizada para cada passageiro e ser capaz de encontrar vagas de estacionamento disponíveis sozinho.

Jia está tentando salvar o império focado em tecnologia que fabrica de tudo: smartphones, carros elétricos e comida orgânica, além de atuar em produções de filmes. A Leshi Internet Information & Technology Co., serviço de streaming de vídeo chinês que também é financiado por Jia, disse que está em negociações para captar mais de 10 bilhões de yuans (US$ 1,4 bilhão) com um grupo de investidores estratégicos, mas cujos nomes não foram revelados.

Fluxo de caixa

O grupo LeEco reiterou que não abandonará o sonho de fabricar carros elétricos, apesar de estar reestruturando uma subsidiária com problemas de fluxo de caixa.

Jia investiu mais de US$ 300 milhões do próprio bolso na Faraday, disse Winston Cheng, que trabalhava na divisão de banco de investimento do Bank of America Corp. e agora comanda a unidade de financiamento corporativo das empresas do grupo LeEco.

Entregas em 2018

O FF91 pode ser reservado por US$ 5.000 e as primeiras entregas estão programadas para 2018, segundo a empresa, que não revelou o preço final no varejo. A fábrica da Faraday Future, em Nevada, EUA, começará a produção neste ano e, assim, a empresa terá como pagar os fornecedores, disse Nick Sampson, diretor de pesquisa e desenvolvimento da montadora.

Executivos da empresa apresentaram a visão da Faraday Future durante o evento, com a promessa de "reformatar o futuro da mobilidade", que irá reduzir a poluição, os congestionamentos e os acidentes de tr ânsito obsoletos. A empresa está trabalhando para criar "novas espécies" que irão "realmente mudar o jogo", disse Sampson.

"É muito impressionante", disse Christoph Stuermer, analista do setor automotivo da PricewaterhouseCoopers sobre a apresentação. "Minha pergunta é: 'Como eles vão ganhar dinheiro?'".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos