PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Loja em NY oferece itens sofisticados para usuários de maconha

Claire Ballentine e Kim Bhasin

15/05/2019 16h00

(Bloomberg) -- As butiques de moda da Madison Avenue, em Nova York, agora têm um tipo diferente de vizinho sofisticado: uma "head shop", ou loja especializada em produtos para usuários de cannabis.

A marca de bolsas Edie Parker está expandindo seus negócios em cannabis com uma nova coleção de acessórios para cigarros chamada Flower by Edie Parker. Lançada em 2010, a grife de moda é cobiçada por suas clutches e bolsas de inspiração vintage, especialmente sua linha de acrílico colorido que conquistou celebridades como Lupita Nyong'o e Mindy Kaling. A Edie Parker passou a vender itens domésticos em 2016, e a nova linha de cannabis foi uma extensão natural da estratégia.

A ideia inicial surgiu quando Brett Heyman, fundadora e diretora de criação, começou a pensar em como ela e suas amigas se divertiam em casa. Heyman também não conseguia encontrar dispensários que correspondessem ao seu gosto estético ou feminino, o que a levou a criar os produtos da Flower.

"Sou muito adepta da maconha e senti que não havia muito no mercado que representasse o que eu gostaria de comprar para minha casa ou o que gostaria de levar como presente para a anfitriã", diz.

Os itens da coleção custam entre US$ 20 e US$ 500 e incluem frascos, isqueiros, cinzeiros, moedores, bongos e bandejas giratórias. Além disso, Heyman adaptou suas bolsas de acrílico para carregar a erva. Todos os itens podem ser comprados no site da Edie Parker ? com um aviso de que os produtos "são destinados apenas para uso legal".

As vendas autorizadas de cannabis ultrapassaram US$ 10 bilhões no ano passado nos EUA, com um mercado estimado em US$ 22 bilhões até 2022, segundo dados da Arcview Market Research e BDS Analytics.

Mas a renovada Edie Parker não é uma head shop tradicional com prateleiras cheias de peças de vidro e produtos questionáveis ??sem marca. A loja da Madison Avenue, ao lado da Kate Spade e J. Mendel, mantém sua identidade de marca com cores assertivas e irreverência por toda parte, um dos principais objetivos de Heyman ao criar a linha. Na loja, os produtos de cannabis foram colocados no centro de tudo, em uma mesa no meio da loja cercada pela habitual seleção de bolsas de acrílico Edie Parker com estampas que podem custar US$ 1,5 mil ou mais.