Bolsas

Câmbio

Morales anuncia investimento de US$ 110 milhões em 2 novos teleféricos

La Paz, 15 jul (EFE).- O presidente da Bolívia, Evo Morales, anunciou nesta sexta-feira um investimento de US$ 110 milhões para a instalação de duas novas linhas de teleféricos nas cidades de La Paz e El Alto e a construção de um centro cultural na antiga estação de trens da capital do país.

O presidente fez o anúncio durante um ato no Palácio de Governo, no qual também assinou contratos para outras obras para La Paz, por ocasião das comemorações pelos 207 anos da revolução independentista de La Paz.

Morales afirmou que os US$ 110 milhões para os três projetos estão "garantidos pelo governo nacional".

"Com este novo investimento no teleférico, nas três fases está garantido um total de 794 milhões de dólares em recursos para nosso teleférico no departamento de La Paz", acrescentou.

Uma das novas linhas conectará a estação que fica no bairro de Obrajes, aonde convergem atualmente as linhas verde e amarela, com outra que será construída em pleno centro de La Paz, perto da avenida Marechal Santa Cruz.

Esta linha terá uma extensão próxima aos três quilômetros, contará com 159 cabines e terá uma velocidade de seis metros por segundo para garantir um tempo total de viagem de 11 minutos, detalhou o presidente.

Morales acrescentou que será "a linha mais movimentada" e terá uma capacidade de transporte de 4.000 passageiros por hora em ambos os sentidos.

A segunda linha ficará em El Alto e conectará as estações das linhas amarela, no sul dessa cidade, e vermelha, no norte.

Esta obra também terá quase três quilômetros de extensão, contará com 120 cabines e oferecerá um tempo de viagem de cerca de nove minutos, disse Morales.

O teleférico de La Paz e El Alto opera desde 2014 com três linhas (vermelha, amarela e verde), às quais se somarão outras seis linhas nos próximos anos, e até junho passado transportou 50 milhões de passageiros, segundo dados da empresa.

Trata-se do sistema urbano de teleférico mais alto do mundo, a uma média de 3.800 metros acima do nível do mar, e desde seu início se transformou em um dos principais atrativos turísticos de La Paz, por causa de espetaculares vistas da cidade e dos Andes que podem ser desfrutadas de suas cabines.

A empresa austríaca Doppelmayr construiu a primeira fase do teleférico e se encarrega também das seis novas linhas, que requeriam um investimento de US$ 450 milhões.

O terceiro projeto anunciado hoje por Morales é a construção do Parque das Culturas e da Mãe Terra no prédio da antiga estação de trens de La Paz.

No local, onde atualmente opera uma das estações da linha vermelha, será conservado o prédio da Estação Central, mas além disso haverá um museu de trens, um espaço para feiras e exposições, um palco, ciclovias, passeios pedestres e áreas verdes, segundo Morales.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos