Dow Jones fecha em alta de 0,24% e registra novo recorde

Nova York, 5 dez (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta segunda-feira em alta de 0,24%, registrando um novo recorde histórico ao ignorar a incerteza na Itália após a vitória do "não" em um referendo que provocou a renúncia do primeiro-ministro do país, Matteo Renzi.

O principal indicador da Bolsa de Nova York somou 45,82 pontos e ficou com 19.216,24. Já o índice composto da Nasdaq subiu 1,01%, para 5.308,89, e o seletivo S&P 500 ganhou 0,58% e fechou aos 2.204,71.

Os operadores no pregão nova-iorquino começaram a semana apostando pelas compras, apesar da incerteza na Itália depois da vitória do "não" no referendo de ontem sobre a reforma constitucional.

O resultado provocou a renúncia de Renzi, e acrescenta incerteza à terceira economia da zona do euro, que atravessa atualmente um momento de instabilidade financeira e tímido crescimento do Produto Interno Bruto (PIB).

Os investidores também celebraram outra alta do petróleo nos mercados internacionais. O barril do Texas subiu 0,21%, fechando cotado a US$ 51,79. Já o Brent avançou 1,85%, cotado a US$ 54,94.

No Dow Jones, as altas mais expressivas foram dos papéis de Nike (2,75%) à frente de Goldman Sachs (2,32%), Visa (2,10%) e JP Morgan Chase (2,03%), Microsoft (1,64%) e Disney (1,48%).

As quedas mais acentuadas foram das ações de Unitedhealth (-1,93%), Merck (-1,44%), Wal-Mart (-1,33%), United Technologies (-0,74%), General Electric (-0,73%) e Caterpillar (-0,73 %).

No momento do fechamento do pregão, a onça do ouro caia para US$ 1.172,1, e a rentabilidade dos títulos da dívida pública americana com vencimento em 10 anos recuava 2,4%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos