PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Empresa polonesa pede que passageiros paguem conserto para decolar de Pequim

20/11/2018 05h55

Pequim, 20 nov (EFE).- A companhia aérea de bandeira polonesa LOT pediu aos passageiros que esperavam no aeroporto de Pequim para embarcar em um voo com destino a Varsóvia que pagassem um conserto no avião para decolar, informou nesta terça-feira o portal de notícias econômicas "Caixin".

Segundo estas informações, o fato aconteceu no último dia 12, quando um mecânico exigiu receber em dinheiro para reparar a bomba hidráulica do avião, que estava estragada.

Os funcionários da LOT então arrecadaram entre os passageiros o valor de 2.500 iuanes (US$ 360) para que o avião fosse consertado, um processo que finalmente levou dez horas.

A LOT, por sua parte, devolveu o dinheiro aos passageiros quando aterrissaram na Polônia.

A "Caixin" citou meios de comunicação poloneses que recolheram declarações do porta-voz da companhia aérea, Adrian Kubicki, que culpou ao representante da LOT em Pequim por considerar que "deveria ter levado dinheiro vivo e um cartão de crédito".

A LOT voa três vezes por semana de Varsóvia a Pequim, em um trajeto no qual emprega o Boeing 787 Dreamliner.

Em seu site, a companhia promete um voo em "luxuosas condições e com um ambiente amável", ao que acrescenta: "A nossa tripulação, da melhor categoria, garantirá sua comodidade desde o primeiro minuto até o último".

PUBLICIDADE