PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

BoE: Michael Saunders sugere mais flexibilização

Eduardo Gayer

São Paulo

04/09/2020 08h46

Membro do Comitê de Política Monetária do Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês), Michael Saunders acenou nesta sexta-feira, 4, para o anúncio de novas medidas de estímulo econômico pela autoridade. "Considero que uma flexibilização monetária adicional seja apropriada para alcançar um retorno sustentado da inflação pra a meta de 2%", afirmou, em evento virtual. Ele ainda disse não ser "teologicamente contrário" à adoção de juros negativos, estratégia, porém, recentemente afastada do horizonte inglês pelo presidente do BoE, Andrew Bailey.

Saunders aposta em uma recuperação econômica lenta no Reino Unido nos próximos dois anos, com desemprego crescente, o que justificaria uma nova rodada de estímulos. Para ele, houve, recentemente, uma retomada econômica mais veloz do que as expectativas, mas o processo tenderia a ser passageira. "A recuperação mais rápida do que o esperado da economia nos últimos meses refletiu uma janela benigna em que o grande apoio fiscal coincidiu com o relaxamento das medidas de bloqueio contra a covid-19 e baixas taxas de infecção. Esta janela pode estar fechando agora", afirmou.