PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

China multa empresa de entregas em US$ 553 mi por forçar uso de serviço

China aplica multa de 3,44 bilhões de yuans (US$ 533,6 milhões) à companhia de entregas Meituan por forçar comerciantes a vender exclusivamente em sua plataforma online - Getty Images/iStockphoto
China aplica multa de 3,44 bilhões de yuans (US$ 533,6 milhões) à companhia de entregas Meituan por forçar comerciantes a vender exclusivamente em sua plataforma online Imagem: Getty Images/iStockphoto

Pequim

08/10/2021 08h29Atualizada em 08/10/2021 08h51

A China aplicou uma multa de 3,44 bilhões de yuans (US$ 533,6 milhões) à companhia de entregas Meituan por forçar comerciantes a vender exclusivamente na sua plataforma online, na última iniciativa regulatória de Pequim para tentar controlar as poderosas gigantes de tecnologia do país.

O principal órgão regulador de mercados chinês disse nesta sexta-feira (8) que a Meituan violou duas leis antimonopólio, segundo os resultados de uma investigação sobre a empresa que vinha sendo conduzida desde abril.

O regulador alega que a Meituan abusou de sua posição de domínio no mercado para forçar comerciantes a assinar acordos de exclusividade e submetê-los a medidas punitivas. Em abril, autoridades chinesas impuseram uma multa recorde de 18,2 bilhões de yuans (US$ 2,82 bilhões) ao gigante de comércio eletrônico Alibaba por práticas semelhantes. Fonte: Dow Jones Newswires.

PUBLICIDADE