IPCA
0,46 Jun.2024
Topo

Bundesbank prevê contração de 0,5% no PIB da Alemanha em 2023

São Paulo

16/12/2022 09h07

O Banco Central da Alemanha (Bundesbank) publicou relatório com projeções atualizadas nesta sexta-feira, 16. O banco espera que a economia do país cresça 1,8% neste ano e sofra contração de 0,5% em 2023. O Bundesbank acredita que, apesar da crise de energia, a economia alemã não terá uma contração severa no inverno local, com expectativa também de recuperação gradual da atividade a partir do segundo semestre do próximo ano. Para 2024, a previsão é de crescimento de 1,7%, enquanto para 2025 é de avanço de 1,4%.

Já o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) no país deve crescer 8,6% no ano atual, avançar 7,2% em 2023 e 4,1% em 2024. Para 2025, a expectativa é de alta de 2,8% no CPI, ainda acima da previsão de 2% do Banco Central Europeu (BCE) para a zona do euro.

O BC alemão atribui a piora da atividade econômica prevista sobretudo à "crise de energia causada pela guerra da Rússia" na Ucrânia. Coma inflação elevada, o consumo das famílias deve recuar até meados de 2023, projeta. Há ainda nível elevado de incerteza e custos de financiamento mais elevados, o que contém investimentos entre empresas e também no setor de construção de moradias.

O Bundesbank nota que, em relação às projeções de junho, a expectativa para o PIB em 2023 sofreu revisão para baixo "considerável". Ao mesmo tempo, houve revisão claramente para cima em todos os anos para a inflação. O BC alemão afirma que continua a haver "grau de incerteza inusualmente elevado" nas projeções. Os riscos ao crescimento são predominantemente de baixa, sobretudo por eventual falta na oferta de energia, enquanto na inflação os riscos de alta predominam, diz a instituição.