IPCA
0,83 Mai.2024
Topo

Para Pacheco, não havia necessidade de se discutir Lei das Estatais neste momento

São Paulo

08/05/2023 14h10

Apesar da sintonia com as pautas do governo no que diz respeito à agenda econômica, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), entrou em choque com uma das pautas da gestão petista ao falar contra a revogação das leis das estatais. Nesta segunda-feira, 8, durante reunião com a diretoria da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), o senador avaliou que não havia necessidade de se discutir o tema agora.

"Qual a necessidade disso nesse momento no Brasil? Pode-se dizer algum ponto da lei de estatal que é muito severa para a política? Que não permite um político determinar certa posição? Até vá lá. Mas uma revogação da lei de estatal, qual a utilidade disso para o Brasil?" questionou o presidente do Senado.

As discussões envolvendo a autonomia do Banco Central e a capitalização da Eletrobras, na avaliação do senador, também geram desgastes desnecessários. "Nós precisamos de investimentos internacionais, nós precisamos de mercados investidores internacionais ... nós precisamos acertar no ponto, e acertar no ponto não significa rediscutir autonomia do BC, rediscutir capitalização da Eletrobras, salvo um ponto aqui ou acolá", concluiu.