Bolsas

Câmbio

Transferência que cai na conta no mesmo dia deixa de ter valor mínimo

Do UOL, em São Paulo

A partir desta sexta-feira (15), não haverá mais valor mínimo para fazer uma transferência bancária via TED (Transferência Eletrônica Disponível). Atualmente, o valor mínimo é de R$ 250. Não há valor máximo.

A vantagem da TED em relação a outros tipos de transferências é que ela cai na conta bancária do favorecido no mesmo dia, se a transferência for realizada dentro do horário do atendimento bancário. Isso vale mesmo que a conta de origem e a de destino estejam em bancos diferentes. 

No caso do depósito em cheque ou DOC (Documento de Crédito), por exemplo, a compensação demora, no mínimo, um dia útil. Além disso, o  valor máximo de um DOC é de R$ 4.999,99.

A informação foi divulgada nesta quarta-feira (13) pela Febraban (Federação Brasileira de Bancos). 

"Com a TED, o cliente não precisa sacar em espécie para fazer a transferência, basta acessar o internet banking ou outros canais eletrônicos de autoatendimento para efetuar a operação", afirma Walter de Faria, diretor adjunto de Operações da Febraban.

Preços da TED

As tarifas cobradas para a realização de TED variam de banco para banco, conforme a política comercial de cada um.

Para saber os preços praticados, os consumidores podem consultar o Sistema de Divulgação de Tarifas de Serviços Financeiros (STAR) da Febraban, que pode ser acessado pelo endereço eletrônico http://zip.net/bfsHQr (link encurtado e seguro). 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos