Bolsas

Câmbio

Preços de passagem aérea e conta de luz caem e ajudam a segurar inflação

Do UOL, em São Paulo

O dólar alto reduziu a busca por viagens internacionais e isso contribuiu para a queda de 15,83% nos preços das passagens aéreas em fevereiro. O número foi divulgado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta quarta-feira (9).

O preço menor das passagens ajudou a segurar a inflação do grupo transportes, que desacelerou de 1,77% em janeiro para 0,62% no mês passado. 

Considerando o período de 12 meses, os bilhetes aéreos ficaram 8,18% mais baratos.

A queda das passagens, junto com o barateamento da conta de luz, foi um dos fatores que influenciou na desaceleração da inflação em fevereiro, de 0,9%.

Redução de cobrança na conta de luz

As contas de luz ficaram 2,16% mais baratas devido à redução da bandeira vermelha, uma cobrança adicional que está em vigor desde janeiro de 2015.

O valor da cobrança extra caiu de R$ 4,50 para cada 100 quilowatts-hora consumidos para R$ 3 em fevereiro.

A expectativa é que a conta de luz caia ainda mais neste mês porque a bandeira vermelha virou amarela, o que faz com que a cobrança adicional seja de R$ 1,50 por cada 100 quilowatts-hora consumidor.

"A energia vai começar a ajudar a inflação uma vez que em março a bandeira passou para amarela e em abril a bandeira tarifária será verde", afirmou  Eulina Nunes dos Santos, economista do IBGE.

O governo anunciou que a cobrança extra será eliminada da conta de luz em abril. As bandeiras vermelha e amarela são incluídas na conta quando os custos para geração de energia são maiores.

Quando há poucas chuvas, por exemplo, o nível dos reservatórios das hidrelétricas baixa e o governo precisa acionar as usinas térmicas. Foi o que aconteceu entre 2013 e 2015. A energia dessas usinas, alimentadas por carvão, é mais cara que a de hidrelétricas. 

A crise econômica no bolso: o que mudou na sua vida?

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos