Bolsas

Câmbio

Gasto de brasileiro no exterior cai 5% em agosto, mas sobe 2,3% em um ano

Do UOL, em São Paulo

Os brasileiros gastaram US$ 1,292 bilhão em viagens internacionais em agosto, um aumento de 2,3% em relação a agosto do ano passado (US$ 1,263 bilhão). 

Na comparação com o resultado de julho (US$ 1,362 bilhão), os gastos foram 5,14% menores. 

Os números são do Banco Central (BC) e foram divulgados nesta segunda-feira (26).

Segundo o chefe do Departamento Econômico do BC, Tulio Maciel, essa foi a primeira vez que houve crescimento dos gastos na comparação anual desde janeiro de 2015. 

A queda recente na cotação do dólar foi fato determinante para o aumento dos gastos no exterior, de acordo com ele. "A taxa de câmbio determina grande parte dos custos lá fora, como hospedagem e transporte", disse.

Para Maciel, a "perspectiva melhor" para a atividade econômica e a melhora na confiança do consumidor também podem ter contribuído para a retomada dos gastos com viagens internacionais. "

Nova metodologia do BC

Em abril do ano passado, o BC adotou nova metodologia internacional para medir as contas externas.

Dentro da conta de serviços, onde estão os gastos com viagens, o BC passou a apresentar novas linhas, como serviços de propriedade intelectual (antigos royalties), e telecomunicações, computação e informações, que capta despesas com software, por exemplo.

A nova nota também traz outros serviços --pesquisa, desenvolvimento, publicidade, engenharia, arquitetura, limpeza e despoluição--, e serviços culturais, pessoais e recreativos.

(Com Agência Brasil)

Melhor patrão do mundo: viagem para 2500 funcionários

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos