ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Lucro líquido da Embraer sobe 35,9% em 2017, para R$ 795,8 milhões

Do UOL, em São Paulo

08/03/2018 08h38

O lucro líquido da Embraer subiu 35,9% no ano passado e ficou em R$ 795,8 milhões, informou a fabricante brasileira de aeronaves nesta quinta-feira (8). No ano anterior, a empresa havia registrado ganhos de R$ 585,4 milhões. 

A Embraer entregou 109 executivos e 101 jatos comerciais e reafirmou suas estimativas para 2018, de entrega de 105 a 125 aviões executivos e entre 85 e 95 aviões comerciais.

Queda no final do ano

Considerando apenas o quarto trimestre, os resultados foram negativos. O lucro recuou cerca de 82% na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior, para R$ 117,2 milhões. Em relação ao terceiro trimestre, o lucro caiu 66,6%. 

Excluindo impostos deferidos e itens especiais, o lucro líquido ajustado foi de R$ 191,5 milhões, ante R$ 694,2 milhões no quarto trimestre de 2016.

A receita líquida recuou para R$ 5,65 bilhões no trimestre, ante R$ 6,7 bilhões no quarto trimestre de 2016.

Acordo com a Boeing

A Embraer e a norte-americana Boeing estão negociando um acordo desde o final do ano passado. A princípio, a Boeing havia manifestado interesse em comprar a Embraer, mas o governo brasileiro se opôs por considerar que a empresa é estratégica para o país.

O governo é acionista minoritário da fabricante de aeronaves, mas detém uma ação especial, chamada de "golden share", que dá poder de veto em algumas situações, como a venda do controle da empresa.

Segundo as informações mais recentes, agora Embraer e Boeing negociam a criação de uma terceira empresa conjunta. As discussões entre as duas companhias devem ser concluídas ainda neste semestre, de acordo com o presidente da brasileira,  Paulo César de Souza e Silva, independentemente de o resultado ser favorável ou contrário à parceria.

(Com Reuters)

Mais Economia