ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Reformar Previdência seria 'belo encerramento' do governo Temer, diz Guedes

Sergio Moraes/Reuters
Imagem: Sergio Moraes/Reuters

Antonio Temóteo

Do UOL, em Brasília

06/11/2018 12h19

O futuro ministro do superministério da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta terça-feira (6) que a aprovação da reforma da Previdência seria "um belo encerramento" para o governo Michel Temer. O economista, já confirmado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro como chefe da equipe econômica em seu governo, estava presente na sessão solene que comemorou os 30 anos da Constituição Federal, no Congresso Nacional. 

Questionando sobre a possibilidade de iniciar conversas com parlamentares para definir as prioridades para debate no Congresso, Guedes afirmou que ainda deveria conversar com Bolsonaro (PSL) a respeito. "Ainda tenho que combinar com o presidente. A ideia é começar a trabalhar. Temos que trabalhar", disse.

Leia também:

Na avaliação do economista, o Brasil está atrasado no debate sobre a reforma da Previdência, essencial para equilibrar as contas públicas, na sua visão. 

"Eu acho urgente a reforma da Previdência. Tinha defendido isso antes de ser convidado a integrar o governo. Há anos que eu falo sobre isso. Acho que estamos bastante atrasados. Então a reforma da Previdência é algo muito importante e acho que seria um belo encerramento do governo Temer", afirmou.

Guedes disse que o governo Temer derrubou a inflação, fez a reforma trabalhista e criou o teto de gastos. "Fazer a reforma da Previdência seria bom. Em dois anos, seria um governo interessante", disse.

Mais Economia