IPCA
0.13 Mai.2019
Topo

Juro do cartão fica quase estável em abril, mas passa de 267%, diz Anefac

Do UOL, em São Paulo

2019-05-09T12:23:05

09/05/2019 12h23

Os juros médios do cartão de crédito ficaram quase estáveis em abril, segundo pesquisa da Anefac (Associação Nacional de Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade) divulgada hoje. A taxa registrou uma redução de 0,02 ponto percentual: passou de 11,48% ao mês (268,44% ao ano) em março para 11,46% ao mês (267,64% ao ano) em abril.

Ontem, o (Copom) Comitê de Política Monetária do (BC) Banco Central manteve a taxa básica de juros (Selic).

Cheque especial

Segundo a associação, os juros do cheque especial também tiveram leve queda, de 0,03 ponto percentual, passando de 11,75% ao mês (279,29% ao ano) em março para 11,72% ao mês (278,07% ao ano) em abril.

Taxas média de juros

Com isso, a taxa média de juros para pessoa física passou de 118,25% em março para 117,76% ao ano em abril. É a menor taxa de juros desde fevereiro de 2015, de acordo com a Anefac.

Veja como ficaram as taxas de juros para pessoa física, segundo a Anefac:

  • Cartão de crédito: 267,64% ao ano (11,46% ao mês);
  • Cheque especial: 278,07% ao ano (11,72% ao mês);
  • Comércio: 79,38% ao ano (4,99% ao mês);
  • Empréstimo pessoal nos bancos: 53,58% ao ano (3,64% ao mês);
  • Empréstimo pessoal em financeiras: 117,76% ao ano (6,7% ao mês).

Os números são valores médios e podem variar para cada situação específica, porque os bancos oferecem taxas diferentes de acordo com o plano contratado pelo cliente e a relação entre eles (quem tem mais dinheiro no banco paga menos taxas).

Como cobrar dívida de um amigo

UOL Notícias

Mais Economia