PUBLICIDADE
IPCA
0,25 Fev.2020
Topo

BC quer mutirões para renegociar dívidas de 2 milhões de clientes em 2020

Antônio Temóteo

Do UOL, em Brasília

09/01/2020 12h18

Resumo da notícia

  • Meta do BC é que bancos atendam pelo menos um milhão de clientes por mutirão
  • Em evento do ano passado, clientes precisaram assistir vídeo sobre educação financeira antes de renegociar dívidas
  • Diretor do BC não detalhou novas medidas para os próximos mutirões

O diretor de diretor de Relacionamento, Cidadania e Supervisão de Conduta do BC (Banco Central), Maurício Moura, afirmou hoje que os bancos devem realizar dois mutirões de renegociações de dívidas para clientes neste ano, um em cada semestre. Cada evento deve atender pelo menos um milhão de pessoas e valer apenas para pessoa física, e não para empresas.

Um mutirão realizado no ano passado atendeu 820 mil pessoas e renegociou R$ 4,5 bilhões em dívidas. O desconto médio foi de 65%, e o prazo médio para pagamento das dívidas foi de 58 parcelas. Na ocasião, os bancos prometeram oferecer até 92% de descontos aos clientes.

"Vamos apurar as lições aprendidas no primeiro [mutirão] e melhorar o que foi feito. Queremos melhorar a parte de renegociação e de compartilhamento de educação financeira", disse o diretor do BC, sem detalhar novas medidas.

No primeiro mutirão, 560 mil pessoas tiveram acesso a um vídeo sobre educação financeira nas agências dos bancos participantes. O vídeo também foi visto mais de 173 milhões de vezes na internet.

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Quem tem direito ao 13º do INSS?

UOL Notícias

Economia