PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Onyx: pedidos dos R$ 600 até 26 de abril serão avaliados até hoje à noite

Ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni - ADRIANO MACHADO
Ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni Imagem: ADRIANO MACHADO

Do UOL, em São Paulo

30/04/2020 18h09

O ministro-chefe da Casa Civil Onyx Lorenzoni afirmou hoje, em coletiva de imprensa no Palácio do Planalto, que os pedidos do auxílio emergencial de R$ 600 feitos, pago pela Caixa Econômica Federal, até 26 abril serão avaliados até hoje.

"Até hoje à noite, todos os inscritos no aplicativo até o dia 26 de abril terão sido avaliados. Acho isso importante, porque nós começamos a acelerar a nossa esteira para responder mais rapidamente para as pessoas", disse o ministro.

"Nós encontramos 32.807.449 inelegíveis. Pessoas que não tinham, perante a legislação, a habilitação. Isso demonstra claramente que houve as tentativas de burla da legislação, e isso acabou dificultando a rapidez da análise àqueles que tinham direito", justificou Onyx.

O ministro ainda declarou que o tempo levado para analisar os pedidos elegíveis e realizar os pagamentos está diminuindo.

"Estamos trabalhando para acelerar. Lá no início a gente levava 10 dias para colocar os elegíveis na Caixa, botar o dinheiro na Caixa para fazer o pagamento. Esse prazo já encurtou para 6, 7 dias. Estão vindo além do Bolsa Família e do auxílio emergencial outros benefícios. Tem uma parcela da população que não usa aplicativo", completou.

Pago a pessoas em situação vulnerável durante a pandemia da covid-19, o auxílio emergencial de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras) beneficia trabalhadores informais, pessoas inscritas do Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico) e cidadãos inscritos no Bolsa Família. O benefício pode ser pedido por meio do aplicativo Caixa Auxílio Emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br. O benefício será pago até junho.