PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Cotações

Bolsa opera em queda de mais de 2%, e dólar segue estável; acompanhe

Ontem o dólar comercial teve valorização de 0,2%, fechando a R$ 5,182 na venda - Getty Images/iStockphoto
Ontem o dólar comercial teve valorização de 0,2%, fechando a R$ 5,182 na venda Imagem: Getty Images/iStockphoto

Do UOL, em São Paulo

02/09/2021 09h21Atualizada em 02/09/2021 16h27

O Ibovespa e o dólar comercial operavam em queda no fim da tarde de hoje. Por volta das 16h10 (de Brasília), a principal índice da Bolsa de Valores brasileira (B3) despencava 2,04%, aos 116.957,25 pontos.

No mesmo horário, a moeda americana registrava em leve baixa de 0,01%, cotada a R$ 5,185 na venda, o que indica estabilidade.

As vendas que apareceram no meio da manhã derrubaram o dólar hoje para cerca de R$ 5,14 na mínima do dia, com as operações domésticas captando a trajetória de queda da moeda no exterior conforme investidores se preparam para um relatório de empregos nos EUA eventualmente mais fraco.

As atenções estão voltadas para esse documento desde o começo da semana, uma vez que os números podem mexer consideravelmente com expectativas do mercado sobre o momento em que o banco central dos EUA pode começar a cortar estímulos monetários. O "payroll" será divulgado amanhã.

Esses estímulos, via compras mensais de US$ 120 bilhões em títulos pelo Fed, na prática são sobra de liquidez que tem favorecido mercados de risco (como os emergentes) desde o ano passado, quando começou a pandemia de covid-19. Uma redução das compras representaria menor liquidez disponível, efetivamente deprimindo novas ofertas de dólar e, assim, potencialmente elevando o preço da moeda.

Mas a expectativa é que o Fed ainda demore para anunciar o chamado "tapering", o que tem garantido nos últimos dias o clima favorável a ativos de risco, como o real e seus pares emergentes, em detrimento do dólar.

Ontem o dólar comercial teve valorização de 0,2%, fechando a R$ 5,182 na venda, e a Bolsa fechou em alta 0,52%, a 119.395,602 pontos.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

Este conteúdo foi gerado pelo sistema de produção automatizada de notícias do UOL e revisado pela redação antes de ser publicado.

(Com Reuters)

PUBLICIDADE

Cotações