Conteúdo publicado há 9 meses

Bolsa Família inclui 300 mil famílias em agosto; veja valores e calendário

Os pagamentos do Bolsa Família de agosto começam nesta sexta-feira (18), com o investimento total de R$ 14,2 bilhões para 21,1 milhões de famílias. O número de beneficiários voltou a subir, após ter registrado queda em julho.

O que aconteceu

Em agosto, foram canceladas quase 99,7 mil famílias, e incluídas outras 300 mil no programa. O valor do benefício médio recebido por cada família também teve um aumento, passando de R$ 684,16 em julho para R$ 686,04 em agosto.

Desde o relançamento do Bolsa Família em março, já foram incluídas 1,6 milhão de famílias. O número de benefícios pagos somente em agosto representa um aumento em relação ao mês de julho, quando 20,9 milhões de famílias foram atendidas. Em junho, 21,2 milhões receberam a transferência de renda.

Em agosto, são 2,08 milhões de famílias estão na Regra de Proteção, que reduz valor do benefício. O mecanismo permite a permanência no programa de famílias que elevaram a renda para até meio salário mínimo por integrante. Nesses casos, o lar recebe, por até dois anos, 50% do valor do benefício a que teria direito, incluindo os adicionais.

Os pagamentos de agosto serão feitos de maneira escalonada e seguem até o dia 31, informou o governo federal. O governo anunciou que 99 municípios gaúchos, de Alagoas e Pernambuco em situação de emergência ou estado de calamidade pública, terão o pagamento unificado e antecipado. Veja aqui a lista.

Neste mês será pago Auxílio Gás no valor de R$ 108. Serão atendidas 5,63 milhões de famílias. O investimento do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome com o repasse será de R$ 608,54 milhões.

Veja o calendário de pagamentos:

  • NIS de final 1: 18 de agosto
  • NIS de final 2: 21 de agosto
  • NIS de final 3: 22 de agosto
  • NIS de final 4: 23 de agosto
  • NIS de final 5: 24 de agosto
  • NIS de final 6: 25 de agosto
  • NIS de final 7: 28 de agosto
  • NIS de final 8: 29 de agosto
  • NIS de final 9: 30 de agosto
  • NIS de final 0: 31 de agosto

Quem recebe o Bolsa Família

Para receber o Bolsa Família, as famílias devem cumprir algumas condicionalidades nas áreas de saúde e de educação. São elas:

Continua após a publicidade
  • Exigência de frequência escolar para crianças e adolescentes entre 4 e 17 anos
  • Acompanhamento pré-natal para gestantes
  • Acompanhamento nutricional (peso e altura) das crianças até seis anos
  • Manutenção da caderneta de vacinação atualizada

Para receber, é preciso estar inscrito no Cadastro Único. O cadastramento é feito em postos de atendimento da assistência social dos municípios.

O novo Bolsa Família, que começou a ser pago em março, tem um valor de renda para entrada. O programa passou a incluir famílias com renda de até R$ 218 por pessoa — aumento em relação à faixa de pobreza, que era de até R$ 210 por pessoa.

Como sacar o dinheiro?

Bolsa Família pode ser movimentado no aplicativo Caixa Tem (disponível para Android e iOS).

Dá para fazer saques em terminais de autoatendimento, casas lotéricas, correspondentes Caixa Aqui e nas agências da Caixa. Os beneficiários têm até 120 dias para fazer o saque do Bolsa Família.

Deixe seu comentário

Só para assinantes