Bolsas

Câmbio

Ações asiáticas recuam em meio a preocupações com alta dos juros nos EUA em junho

XANGAI/HONG KONG (Reuters) - As ações chinesas tiveram leve queda nesta quinta-feira (19), com o volume de negócios encolhendo às mínimas em quase três meses e meio com muitos investidores preferindo manter-se afastados em meio a preocupações com a economia e com a possível elevação em breve da taxa de juros nos Estados Unidos.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,18%, enquanto o índice de Xangai ficou praticamente estável.

O restante da região também recuou, com os mercados avaliando a possibilidade de outra alta da taxa de juros pelo Federal Reserve, banco central norte-americano, já em junho.

A ata da reunião de definição da política monetária do Fed destacou as visões das autoridades do banco de que seria apropriado elevar os juros em junho se os dados econômicos apontarem para um crescimento mais forte no segundo trimestre, como também inflação e emprego se firmando.

  • Em Tóquio, o índice Nikkei avançou 0,01%, a 16.646 pontos.
  • Em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 0,67%, a 19.694 pontos.
  • Em Xangai, o índice SSEC perdeu 0,01%, a 2.807 pontos.
  • O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, retrocedeu 0,18%, a 3.062 pontos.
  • Em Seul, o índice Kospi teve desvalorização de 0,51%, a 1.946 pontos.
  • Em Taiwan, o índice Taiex registrou baixa de 0,78%, a 8.095 pontos.
  • Em Cingapura, o índice Straits Times desvalorizou-se 1,33%, a 2.740 pontos.
  • Em Sydney, o índice S&P/ASX 200 recuou 0,61%, a 5.323 pontos.

(Por Samuel Shen, Pete Sweeney e Saikat Chatterjee)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos