Governo vai usar reserva de R$38 bi para evitar contingenciamento neste ano, diz Padilha

BRASÍLIA, 21 Jul (Reuters) - O governo federal vai usar uma reserva de R$ 38 bilhões prevista no Orçamento de 2016 sem destinação específica para evitar corte nos gastos, afirmou nesta quinta-feira (21) o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha.

"Havia ficado uma reserva de 38 bilhões de reais no Orçamento, sem destinação, para cobrir emergências. Como a receita não correspondeu, temos que cobrir esse buraco", afirmou o ministro em entrevista a agências internacionais.

No início do mês passado, o Ministério do Planejamento havia informado que o governo contava com 18,1 bilhões de reais para absorção de riscos fiscais, já contemplada na meta de déficit primário de 170,5 bilhões de reais para o governo central em 2016. 

Nesta sexta-feira (22), o governo vai divulgar seu relatório bimestral de receitas e despesas.

De acordo com Padilha, o contingenciamento "não passa pela cabeça" do presidente interino Michel Temer neste momento porque novo corte paralisaria as operações do governo. Mas a receita não deve voltar a crescer este ano, mesmo com a melhora do cenário econômico.

"Receita demora mais para responder. Vamos ter efeito dessa retomada no ano que vem", disse.

(Por Lisandra Paraguassu, com reportagem adicional de Marcela Ayres; Edição de Maria Pia Palermo e Patrícia Duarte)

Governo não descarta subir impostos para cumprir meta

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos