Seguradoras avançam e impulsionam índices acionários europeus com redução de temores por furacão Irma

MILÃO (Reuters) - Os mercados acionários europeus fecharam em alta nesta segunda-feira com as seguradoras se beneficiando da queda no custo estimado do furacão Irma e com o alívio dos investidores pelo fato de que a Coreia do Norte comemorou seu dia de fundação sem um grande teste de mísseis.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 1,05%, a 1.491 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 1,04%, a 379 pontos.

O índice de seguros da Europa teve o melhor desempenho desde abril ao avançar 2,1% depois que o Irma, que afetou áreas densamente povoadas do centro da Flórida durante o fim de semana, gradualmente perdeu força e foi rebaixado para uma tempestade tropical.

"As perdas dos segurados (em geral) devem ser menores do que muitos temiam", disseram analistas do Credit Suisse após as perdas estimadas dos segurados nos EUA devido ao Irma serem reduzidas para um valor entre US$ 20 bilhões e US$ 40 bilhões.

Entre as principais altas estavam as seguradoras Munich Re, Swiss Re e Hannover Re, além da britânica Beazley.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,49%, a 7.413 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,39%, a 12.475 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,24%, a 5.176 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,64%, a 22.134 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,91%, a 10.322 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,11%, a 5.107 pontos.

(Por Danilo Masoni)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos