ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Temer diz que sem reforma da Previdência logo vai faltar dinheiro para pagar aposentados

Alan Santos/PR
Imagem: Alan Santos/PR

19/12/2017 12h35

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Michel Temer aproveitou sua participação na convenção nacional do PMDB nesta terça-feira (19) para reforçar o discurso a favor da reforma da Previdência, e disse que sem a aprovação da proposta em breve vai faltar dinheiro para pagar aposentados.

A reforma, com votação prevista para fevereiro na Câmara dos Deputados, vem enfrentando resistência mesmo entre aliados do governo, que temem prejuízo eleitoral caso votem a favor das mudanças nas regras previdenciárias.

"Nós não podemos brincar com isso, porque se nós brincarmos com isso daqui a pouco nós não vamos ter dinheiro para pagar aposentados. Daqui a pouco digo, daqui a dois, três anos. Não é daqui a muito tempo não. Nós estamos tendo a coragem de ser um governo reformista", disse Temer durante a convenção.

Leia também:

Ao enaltecer o papel de seu partido no governo, Temer fez questão de dizer que as reformas que está conduzindo estavam previstas no programa "Ponte para o Futuro", elaborado pela sigla há dois anos. O partido oficializa nesta terça-feira a mudança de nome para MDB, denominação antiga da legenda.

O presidente aproveitou para defender a reforma trabalhista, que já estaria "dando resultados" e afirmou que a aprovação da mudança nas leis trabalhistas assim como a instituição da chamada PEC dos Gastos devem-se a uma "parceria" fechada com o Congresso.

Temer chegou a desmarcar sua participação no evento, e sua assessoria não informou o motivo do cancelamento. Na semana passada o presidente foi submetido a um pequeno procedimento cirúrgico após quadro de dificuldade urinária e diagnóstico de estreitamento uretral. Como parte da recuperação, está usando uma sonda por três semanas.

A reunião partidária começou de maneira tímida e com muitas cadeiras vazias em um centro de convenções da capital federal, mas depois ganhou corpo à medida que o auditório foi sendo ocupado.

Presidentes de núcleos partidários discursavam e comissionados votavam, quando a chegada de Temer foi anunciada no microfone. A estrutura preparada para a presença do presidente no início da manhã --equipamentos de raio-x e de segurança-- já estava desmobilizada.

"Essa inspiração é que nos trouxe até aqui e me trouxe hoje(...) exatamente para nós festejarmos o que o MDB está fazendo pelo país", disse Temer.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Temer pede apoio da população para aprovar reforma da Previdência

UOL Notícias

Mais Economia