PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Cotações

Wall Street recua com aumento de aversão ao risco por maiores temores comerciais

Por Stephen Culp

30/08/2018 18h40

NOVA YORK (Reuters) - Os mercados acionários dos Estados Unidos recuaram nesta quinta-feira (30) encerrando uma série de quatro altas consecutivas, com aumento da aversão ao risco antes do final de semana prolongado devido a crescente ansiedade comercial.

O índice Dow Jones caiu 0,53%, a 25.987 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,44%, a 2.901 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,26%, a 8.088 pontos.

As amplas vendas de ações cresceram no meio da tarde após uma notícia da Bloomberg de que o presidente norte-americano, Donald Trump, quer impor tarifas sobre um adicional de US$ 200 bilhões em importações chinesas já na próxima semana, mais cedo do que muitos esperavam.

O índice de volatidilade, um indicador das expectativas dos investidores, subiu para uma máxima de quase duas semanas em uma sessão de baixo volume.

"Quando você tem um volume baixo, é mais difícil para o mercado absorver uma forte pressão de compra ou venda", disse Shawn Cruz, gerente de estratégia da TD Ameritrade. "Ainda temos manchetes (comerciais) saindo diariamente."

As informações da Bloomberg coincidiram com os esforços contínuos do Canadá e dos EUA para renovar o Tratado de Livre Comércio da América do Norte (Nafta), antes do prazo de sexta-feira (31).

A Apple fechou em máxima recorde, subindo 0,9% após a notícia de que lançará uma nova versão do iPhone em 12 de setembro.

A Amazon ganhou 0,2%, fechando acima de US$ 2.000 pela primeira vez e fazendo com que ela fique mais próxima de se tornar a segunda empresa dos EUA, após a Apple, a alcançar US$ 1 trilhão em valor de mercado.

Cotações