PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Confiança de serviços no Brasil sobe em novembro para maior nível em 4 anos e meio, diz FGV

29/11/2018 08h42

SÃO PAULO (Reuters) - As expectativas dos empresários de serviços no Brasil melhoraram com o fim do período eleitoral e a confiança do setor atingiu em novembro o nível mais alto em de quatro anos e meio, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quinta-feira.

Com alta de 5,1 pontos, o Índice de Confiança de Serviços (ICS) atingiu 93,4 pontos na comparação com outubro, seu maior patamar desde abril de 2014.

"O avanço significativo da confiança em novembro está intimamente ligado à melhora das expectativas empresariais que, por sua vez, parece refletir os efeitos do resultado do processo eleitoral", explicou o consultor da FGV Silvio Sales em nota.

"Essa melhora no ânimo das empresas, no entanto, não altera o fato de os indicadores de confiança permanecerem ainda na faixa abaixo dos 100 pontos, o que significa dizer que há o predomínio de respostas negativas sobre o ambiente de negócios", completou ele.

Em novembro, 85 por cento das 13 principais atividades pesquisadas tiveram alta no índice de confiança.

De acordo com a pesquisa, o Índice da Situação Atual (ISA-S) teve alta de 1,8 ponto em novembro, chegando a 87,7 pontos, seu maior nível desde outubro de 2014.

Já o Índice de Expectativas (IE-S) avançou 8,3 pontos, para 99,4 pontos em novembro, o maior patamar desde fevereiro de 2014.

"A confirmação da melhora na curva de confiança do setor estará, provavelmente, condicionada ao andamento do processo de transição para o novo governo", destacou Sales.

Também nesta quinta-feia a FGV divulgou que a confiança da indústria do Brasil subiu em novembro pela primeira vez em seis meses.

(Por Stéfani Inouye)