PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Chinês HBIS investirá US$4,4 bi em projeto siderúrgico nas Filipinas

17/12/2018 11h32

PEQUIM (Reuters) - O HBIS Group, segundo maior produtor de aço da China, assinou um memorando para um projeto de 4,4 bilhões de dólares nas Filipinas que produzirá 8 milhões de toneladas de aço por ano, segundo a mídia estatal chinesa e uma declaração das Filipinas.

O projeto será o primeiro complexo integrado de aço do país e representa o maior investimento industrial da China nas Filipinas até hoje, segundo uma declaração de 14 de dezembro do Departamento de Comércio e Indústria das Filipinas.

O projeto terá duas fases, na primeira, de 3 bilhões de dólares, serão produzidas 4,5 milhões de toneladas de bobinas laminadas a quente e 600 mil toneladas anuais de placas de aço, segundo o comunicado.

A capacidade de produção atingirá 8 milhões de toneladas na segunda fase, com o período total de construção e crescimento previsto para três a cinco anos.

"Este projeto é muito importante para nosso desenvolvimento industrial e nos permitirá perseguir a visão do presidente (Rodrigo) Duterte de ter uma indústria de ferro e aço integrada globalmente competitiva", disse o secretário de Comércio e Indústria, Ramon Lopez, no comunicado, acrescentando que o projeto criará mais de 20 mil oportunidades de emprego.

O HBIS, sediado em Hebei, maior província siderúrgica da China, foi forçado a procurar crescimento de produção no exterior, conforme o governo chinês reprime a capacidade produtiva na China por razões ambientais.

Além do HBIS, a empresa de private equity Huili Investment, a produtora de vergalhão filipina Steel Asia Manufacturing e a estatal Phividec Industrial também assinaram o memorando.

As instalações do complexo incluirão sinterização, coqueificação, pelotização e laminação de aço, de acordo com a declaração filipina, produzindo produtos básicos de ferro e aço para processamento adicional.

(Por Muyu Xu e Tom Daly)