IPCA
-0.04 Set.2019
Topo

Cotações


Índices europeus fecham em queda após alerta da Broadcom afetar setor de chips

Por Medha Singh e Sruthi Shankar

14/06/2019 13h38

(Reuters) - As ações de tecnologia pressionaram os principais índices acionários europeus para baixo nesta sexta-feira, depois que a fabricante de chips norte-americana Broadcom fez um alerta de venda e dados decepcionantes da China deram o mais claro sinal do dano que a guerra comercial pode causar ao crescimento global.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,36%, a 1.491 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,4%, a 379 pontos.

A previsão de um golpe de 2 bilhões de dólares às vendas na Broadcom, um dos maiores players norte-americanos no setor de chips, aconteceu no momento em que o crescimento da produção industrial da China desacelerou para mínima de mais 17 anos de 5% em maio e está entre os mais claros sinais dos danos que a guerra comercial pode causar ao crescimento global.

O alerta afetou os índices acionários diante das preocupações com as consequências sobre os lucros da prolongada guerra comercial entre EUA e China, alimentando temores de desaceleração na demanda por chips.

Infineon, AMS, STMicroelectronics, Siltronic e Dialog Semiconductor recuaram entre 2,5% e 5,5%, pressionando o setor de tecnologia a uma queda de 1,8%.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,31%, a 7.345 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,60%, a 12.096 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,15%, a 5.367 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,09%, a 20.612 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,57%, a 9.194 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 1,23%, a 5.130 pontos.

Mais Cotações