IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Cotações


Índices europeus encerram em alta após adiamento de tarifas dos EUA sobre produtos chineses

Por Susan Mathew e Shreyashi Sanyal

13/08/2019 13h59

(Reuters) - Os índices acionários europeus devolveram as perdas e fecharam em alta nesta terça-feira, com setores ligados ao crescimento liderando a recuperação depois que os Estados Unidos decidiram adiar a imposição de tarifas sobre alguns produtos chineses, impulsionando o sentimento global.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,58%, a 1.466 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,54%, a 372 pontos.

O governo dos EUA adiará a imposição de uma tarifa de 10% sobre certos produtos chineses, incluindo laptops e telefones celulares, para além de setembro, disse o Gabinete do Representante de Comércio dos EUA nesta terça-feira. Uma lista separada também incluía algumas importações que serão isentas de tarifas.

Isso sustentou a mudança de direção de volta a ativos mais arriscados depois que uma série de 'drivers' negativos pressionou os mercado nas últimas sessões.

As ações ligadas a comoditties, fabricantes de automóveis e setores de tecnologia estavam entre os maiores ganhadores na Europa e ajudaram o STOXX 600 a encerrar em alta, eliminando as perdas da sessão de até 0,8%.

"O que estamos vendo agora com este anúncio é um acontecimento claramente positivo", disse Ken Odeluga, analista de mercado da City Index. "Isso definitivamente conta como um alívio para os mercados, porque ... esse anúncio mostra a disposição de se comprometer de ambos os lados."

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,33%, a 7.250 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,60%, a 11.750 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,99%, a 5.363 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,36%, a 20.539 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,22%, a 8.695 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,61%, a 4.825 pontos.

Mais Cotações