PUBLICIDADE
IPCA
-0,31 Abr.2020
Topo

China diz que não divulgará dados comerciais de janeiro e os combinará com fevereiro

Getty Images
Imagem: Getty Images

07/02/2020 07h32

PEQUIM (Reuters) - O escritório da alfândega da China informou hoje que não divulgará os dados preliminares de comércio para janeiro e irá combinar os números do primeiro mês do ano e de fevereiro, em linha com a maneira como outros importantes indicadores econômicos do país são divulgados no início do ano.

A alfândega divulgou o comunicado à tarde, em resposta a perguntas sobre os dados de janeiro, que deveriam ser divulgados por volta das 11h no horário local (0h00, de Brasília) de hoje.

Os dados da China no início do ano são em geral distorcidos pela data em que cai o feriado do Ano Novo Lunar, em janeiro ou fevereiro.

Mas a epidemia de coronavírus este ano também resultou em paralisações de empresas que estão contaminando o comércio global.

(Reportagem de Se Young Lee, Lusha Zhang e Min Zhang)

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Economia