PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Índices europeus recuam após estímulo da UE falhar em impressionar

24/04/2020 13h48

Por Sagarika Jaisinghani e Susan Mathew

(Reuters) - As bolsas de valores europeias caíram nesta sexta-feira, com os investidores decepcionados com a falta de detalhes sobre um fundo de emergência de trilhões de euros acordado pelos líderes do bloco, à medida que aumentam as evidências dos danos globais causados pela crise do coronavírus.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 1,12%, a 1.292 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 1,1%, a 330 pontos, após dois dias de ganhos. Isso levou as perdas semanais a 1,2%, uma vez que se somaram à liquidação que seguiu um colapso histórico nos preços do petróleo, encerrando uma série de vitórias de duas semanas do índice.

Na noite de quinta-feira, os líderes da UE aprovaram um pacote de resgate imediato de cerca de 500 bilhões de euros, mas adiaram os detalhes sobre um fundo maior até o verão (no hemisfério norte). Eles mobilizaram um Orçamento comum maior para 2021 a 2027 com um programa de recuperação e encarregaram a Comissão Europeia de apresentar propostas detalhadas até 6 de maio.

"Adicionar outra dimensão às negociações orçamentárias, integrando os planos de recuperação da UE, criará uma nova camada de complexidade e certamente não facilitará o processo de encontrar um acordo", disseram analistas do Deutsche Bank Research.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 1,28%, a 5.752 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,69%, a 10.336 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 1,30%, a 4.393 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,89%, a 16.858 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 1,97%, a 6.613 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,88%, a 4.112 pontos.