PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Rosegren, do Fed, diz que taxa de desemprego nos EUA poderia permanecer nos 2 dígitos até fim do ano

19/05/2020 15h45

(Reuters) - As empresas irão enfrentar uma demanda enfraquecida enquanto consumidores e trabalhadores estiverem preocupados com a saúde pública, e a taxa de desemprego provavelmente ficará em dois dígitos ao fim do ano, disse Eric Rosengren, presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos) de Boston, nesta terça-feira.

A taxa de desemprego pode atingir um pico próximo de 20% à medida que mais norte-americanos perdem os empregos com as paralisações estabelecidas em todo o país para limitar a propagação do coronavírus, e as perdas podem persistir, disse Rosengren em comentários preparados para uma webconferência organizada pelo New England Council.

"Infelizmente, mesmo no fim do ano, espero que a taxa de desemprego permaneça nos níveis de dois dígitos", disse ele.

Os formuladores de política monetária vão tomar medidas para ajudar a reduzir o período em que as pessoas estão desempregadas e algumas das medidas emergenciais de empréstimo do Fed ajudaram a aliviar a pressão em mercados de financiamento de curto prazo, disse Rosengren.

O programa de empréstimos à "Main Street", que tem como objetivo disponibilizar crédito para pequenas e médias empresas, deve ser lançado até o fim do mês, afirmou nesta terça-feira o chairman do Fed, Jerome Powell.

(Por Jonnelle Marte)