PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Lira espera votação de precatórios na próxima semana e 'aprovação tranquila'

16.jun.2021 - O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), durante discussão de projetos de lei - Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
16.jun.2021 - O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), durante discussão de projetos de lei Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Ricardo Brito

Da Reuters

13/10/2021 10h01Atualizada em 13/10/2021 10h01

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou hoje que a proposta de emenda à Constituição (PEC) que reformula o pagamento dos precatórios da União deve ir à votação em plenário da Casa na próxima semana e previu uma vitória tranquila para a medida.

"Na próxima semana todos os prazos estarão vencidos e a gente trará a plenário. Eu acredito numa vitória tranquila dessa PEC, porque há a necessidade realmente de se organizar o Orçamento do Brasil", disse Lira em entrevista à CNN Rádio.

"O Brasil não pode parar a máquina pública, parar os investimentos, não pode não ter espaço para criação do novo programa Renda Brasil e não pode deixar de ter uma previsibilidade das suas finanças com relação à indústria dos precatórios que existe no Brasil", emendou ele.

Lira disse que a proposta está numa fase mais consolidada, tendo sido trazida para dentro do teto de gastos públicos.

No momento, houve a concessão de vista para a PEC na comissão especial que trata do assunto. Após a votação da matéria no colegiado, ela poderá seguir para apreciação do plenário.

Por se tratar de uma mudança constitucional, a PEC precisa de 308 votos entre os 513 deputados em dois turnos de votação. Se for aprovada no plenário da Câmara, a matéria será analisada pelo Senado, onde são necessários os votos de 49 dos 81 senadores também em dois turnos de votação.

PUBLICIDADE