PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Brasil tem déficit em transações correntes de US$8,1 bi em janeiro

23/02/2022 09h49

Por Marcela Ayres

BRASÍLIA (Reuters) - O Brasil registrou déficit em transações correntes de 8,146 bilhões de dólares em janeiro, informou o Banco Central nesta quarta-feira, acima do esperado pelo mercado em meio à elevada remessa de lucros e dividendos e mais gastos com viagens no exterior.

A expectativa de economistas em pesquisa da Reuters era de um déficit de 7,8 bilhões de dólares. O resultado no entanto, ficou abaixo do déficit de 8,338 bilhões de dólares registrado um ano antes.

O déficit em 12 meses diminuiu ligeiramente a 1,71% do Produto Interno Bruto (PIB), ante 1,74% em dezembro.

Embora o déficit comercial tenha encolhido no primeiro mês do ano, as remessas líquidas de lucros e dividendos subiram para 2,474 bilhões de dólares em janeiro, de 1,080 bilhão de dólares um ano antes.

Os gastos com viagens aumentaram a 269 milhões de dólares em janeiro, contra apenas 39 milhões no mesmo mês do ano passado.

Por sua vez, os investimentos diretos no país no mês (IDP) somaram 4,709 bilhões de dólares, ante expectativa no mercado de 3,478 bilhões de dólares.

De acordo com o BC, os investidores estrangeiros destinaram 5,708 bilhões de dólares a ações e fundos de investimentos no mês, contra 6,198 bilhões em janeiro de 2021.

Para o mês de fevereiro, o BC projetou um déficit em transações correntes de 2,6 bilhões de dólares e IDP de 10 bilhões de dólares.

Até o dia 18 deste mês, o fluxo cambial ficou positivo em 5,2 bilhões de dólares, disse ainda o BC.