IPCA
0,46 Jul.2024
Topo

First Citizens processa HSBC por contratar funcionários do Silicon Valley Bank

22/05/2023 16h41

Por Daniel Wiessner

(Reuters) - O First Citizens BancShares, que adquiriu o Silicon Valley Bank (SVB) após seu colapso, processou o HSBC nesta segunda-feira, acusando-o de recrutar ilegalmente mais de 40 funcionários do banco falido.

A ação movida no tribunal federal de São Francisco diz que o HSBC violou a lei federal ao contratar os trabalhadores a fim de obter acesso indevido aos segredos comerciais do SVB.

O First Citizens disse no processo que busca mais de 1 bilhão de dólares em danos. O HSBC não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

A agência garantidora de depósito dos Estados Unidos (FDIC) assumiu o controle do SVB em 10 de março, após os depositantes correrem para sacar seu dinheiro em uma corrida bancária que também derrubou o Signature Bank e eliminou mais da metade do valor de mercado de vários outros bancos regionais dos EUA.

Mais tarde, em março, o First Citizens comprou os ativos e depósitos do SVB por até 500 milhões de dólares em ações -- uma fração do valor que o banco valia antes de falir.

O HSBC adquiriu separadamente o braço britânico do SVB.

O processo desta segunda-feira nomeia como réus o HSBC e seis ex-funcionários do SVB, incluindo David Sabow, que recentemente liderou o segmento bancário de tecnologia e serviços de saúde do SVB. O First Citizens alega que esses funcionários orquestraram o esquema para recrutar cerca de 40 outros funcionários do SVB e roubar os negócios do banco.