Itaúsa vai emitir 135 mi de novas ações para reforço de caixa e liquidez

Por Alberto Alerigi

SÃO PAULO (Reuters) - A Itaúsa anunciou nesta segunda-feira que seu conselho de administração aprovou a emissão de cerca de 135 milhões de novas ações para reforçar o caixa e melhorar o nível de liquidez da holding controladora de empresas que incluem o Itaú Unibanco.

A empresa vai emitir 134.923.077 novas ações, das quais 46.366.756 ordinárias e 88.556.321 preferenciais, ao preço de 6,50 reais por papel. O preço embute um deságio de cerca de 30%, afirmou a Itaúsa.

"O deságio tem o propósito de incentivar os acionistas a participarem do referido aumento" de capital, afirmou a companhia.

O conselho ainda aprovou juros sobre capital próprio (JCP) de 0,0235295 real por ação, a título de antecipação do dividendo obrigatório deste ano.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes