Ações europeias fecham em baixa, setores de mineração e viagens lideram perdas

Por Khushi Singh e Shristi Achar A e Shashwat Chauhan

(Reuters) - As ações europeias encerraram em baixa nesta quarta-feira, com os papéis de mineradoras e de viagens liderando as perdas, uma vez que o otimismo em relação a cortes antecipados dos juros continuou a se dissipar e investidores seguem à espera de uma leitura importante da inflação nos Estados Unidos.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em queda de 0,18%, a 476,42 pontos, com o setor de viagens e lazer na liderança das quedas entre os setores com baixa de 1,1%. O índice de recursos básicos também recuou 1,1%, seu terceiro dia consecutivo de perdas.

Ações do setor de energia cederam 0,9%, sua quarta sessão consecutiva no território negativo em meio à queda dos preços do petróleo [O/R]

Ajudando a limitar as perdas, o índice de saúde continuou sua forte série recente, em alta de 0,3%.

Enquanto isso, autoridades do Banco Central Europeu (BCE) reafirmaram a orientação de política monetária do banco central, dizendo que a zona do euro pode ter entrado em recessão no último trimestre e que as perspectivas no curto prazo continuam fracas.

"As pessoas estavam excessivamente otimistas ao esperar cortes nos juros, porque a progressão da inflação de setembro a novembro tinha sido muito rápida", disse Frédérique Carrier, chefe de estratégia de investimento do RBC Wealth Management.

"Mas a melhora na inflação desacelerou um pouco... o que é notável é que o desemprego não se deteriorou, o que está dando ao BCE alguma margem para paciência."

O foco dos investidores nesta semana será a temporada de balanços nos EUA e na Europa, que ajudará a avaliar o impacto dos juros elevados sobre as margens de lucro, influenciando potencialmente a direção do mercado nas próximas semanas.

Continua após a publicidade

Também estará no radar a leitura dos preços ao consumidor dos EUA de dezembro, na quinta-feira.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,42%, a 7.651,76 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX teve variação positiva de 0,01%, a 16.689,81 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 teve variação negativa de 0,01%, a 7.426,08 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,14%, a 30.450,78 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 teve variação positiva de 0,07%, a 10.067,10 pontos.

Continua após a publicidade

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 2,19%, a 6.602,22 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes