Bolsas

Câmbio

Preços ao produtor na zona do euro têm alta em março

O índice de preços ao produtor na zona do euro avançou 0,3% em março, invertendo o rumo tomado um mês antes, quando caiu 0,7%. O mesmo movimento foi verificado na União Europeia, onde o indicador subiu 0,4% no terceiro mês deste ano após recuo de 0,6% em fevereiro.

Conforme levantamento da agência de estatísticas Eurostat, na passagem de fevereiro para março, os preços do setor de energia aumentaram 1,2% na zona do euro e 1,9% no bloco europeu. Bens de consumo duráveis tiveram elevação de 0,2% em ambas regiões e bens de capitais registraram estabilidade nas duas, enquanto bens intermediários e bens de consumo não duráveis cederam 0,1%.

Ainda no confronto mensal, as maiores taxas foram observadas na Grécia (+1,8%), na Estônia (+1,6%) e na Bélgica (+1,4%), além do Reino Unido (+1,2%). As quedas mais expressivas ficaram com Chipre (-1,6%), e Lituânia e Eslováquia (ambas -0,7%).

Em março, perante um ano antes, os preços ao produtor industrial declinaram 4,2% na zona do euro e recuaram 4,1% na União Europeia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos