Desonerações diminuíram arrecadação em R$ 90,676 bilhões em 2016

As desonerações tiraram R$ 90,676 bilhões da arrecadação de tributos federais em 2016, a preços correntes, de acordo com a Receita Federal. O montante é 13,9% menor do que o apurado em 2015, quando as desonerações tributárias somaram R$ 105,308 bilhões.

Somente a desoneração da folha salarial respondeu por R$ 14,530 bilhões a menos na arrecadação de tributos em 2016. Em 2015, essa política levou ao não recolhimento de R$ 24,149 bilhões. Assim, em 2016 houve queda de 40%.

Dezembro

Apenas em dezembro, as desonerações tributárias levaram ao não recolhimento de R$ 7,567 bilhões, uma retração de 9,35% na comparação com dezembro de 2015, quando não foram apurados R$ 8,348 bilhões em função das desonerações.

Em dezembro, a desoneração da folha respondeu pelo não recolhimento de R$ 1,211 bilhão, um recuo de 39,8% na comparação com o mesmo mês de 2015, quando R$ 2,012 bilhões deixaram de entrar nos cofres públicos em razão desse benefício fiscal.

Como ir à praia e gastar pouco em tempos de crise?

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos