PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Todos a Bordo

Avião comercial mais antigo em operação no Brasil tem quase 45 anos

Boeing 727-200F da Total Linhas Aéreas é o avião comercial mais antigo em operação no Brasil - Divulgação
Boeing 727-200F da Total Linhas Aéreas é o avião comercial mais antigo em operação no Brasil Imagem: Divulgação

Vinícius Casagrande

Colaboração para o UOL, em São Paulo

09/01/2021 04h00

Um Boeing 727-200F da Total Linhas Aéreas é o avião comercial mais antigo em operação no Brasil. Fabricada em 1976, a aeronave completa em maio 45 anos. O avião foi originalmente produzido para o transporte de passageiros, mas em 1997 foi convertido em cargueiro.

O avião mais antigo em operação no Brasil está no país desde 2007, quando foi incorporado à frota da Total Linhas Aéreas. A companhia descreve o Boeing 727-200F como "uma aeronave com tradição e história, amplamente utilizada no segmento de carga aérea, presente nas maiores companhias no mundo".

Apesar da idade avançada, o Boeing 727-200F tem todos os requisitos de segurança para permanecer em atividade. Segundo o RAB (Registro Aeronáutico Brasileiro) da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), o último Certificado de Aeronavegabilidade, que atesta as condições operacionais do avião, foi emitido em julho de 2019 e tem validade até abril de 2023.

Início das operações nos Estados Unidos

Produzido em maio de 1976, o Boeing 727-200F tem número de série 21.200 (essa numeração não é relacionada à quantidade de aviões do modelo). O avião foi entregue à Hughes Airwest, antiga companhia aérea dos Estados Unidos, em agosto de 1976.

Em 1980, a Hughes Airwest foi comprada pela Republic Airlines e recebeu a pintura da nova companhia aérea. Em 1986, o Boeing 727-200 mudaria novamente de operador. Desta vez, a Republic Airlines foi comprada pela Northwest Airlines e o avião mudou novamente sua pintura.

Conversão para cargueiro

O avião voou pela Northwest até 1997. Após completar 21 anos no transporte de passageiros, o Boeing 727-200 foi convertido para o transporte de carga e transferido para a Express One International, uma companhia aérea de carga baseada na Flórida (EUA). Entre 2002 e 2007, voou pela Custom Air Transport antes de ser incorporado pela Total Linhas Aéreas.

No Brasil, o Boeing 727-200 é utilizado pela Total especialmente para o atendimento da Rede Postal Noturna dos Correios, mas também pode ser utilizado eventualmente para outros fretamentos de cargas. O avião tem capacidade de carga de 25 toneladas e autonomia de voo de 3.300 quilômetros.