IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Ibovespa hoje: Prévia do PIB e desemprego são os destaques do dia

Vista do prédio do Banco Central do Brasil em Brasília (DF) - Fátima Meira/Futura Press/Estadão Conteúdo
Vista do prédio do Banco Central do Brasil em Brasília (DF) Imagem: Fátima Meira/Futura Press/Estadão Conteúdo

28/04/2023 09h10

Esta é a versão online da newsletter Por Dentro da Bolsa enviada hoje (28). Quer receber antes o boletim e diretamente no seu email? Clique aqui. Os assinantes UOL ainda podem receber dez newsletters exclusivas toda semana.

Os investidores aguardam a divulgação do IBC-Br, considerado a prévia do PIB. Além disso, também será divulgada hoje, pela manhã, a taxa de desemprego de março. A expectativa é de que o índice de desocupação fique em 9%.

Os índices futuros dos EUA operam e baixa no último pregão de abril, mesmo após bons resultados reportados pela Amazon. Na frente econômica, agentes do mercado aguardam pela divulgação do PCE de março, com expectativa de alta mensal de 0,3% para o núcleo do índice e de 4,5% na comparação anual.

Na Ásia, mercados fecharam majoritariamente em alta. O otimismo veio após o Banco do Japão manter sua política monetária inalterada na primeira reunião com o novo governador da instituição, Kazuo Ueda.

Do lado das commodities, segue o sentimento de aversão ao risco. A cautela dos investidores se traduz em forte instabilidade, com o petróleo oscilando entre ganhos e perdas, enquanto o minério de ferro fechou em queda -os dois insumos foram impactados pelos fracos dados econômicos divulgados nos EUA nesta semana.

Empresas

Eletrobras (ELET3, ELET6): aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 2,052458330936660 por ação preferencial de classe "A"; R$ 1,493651682000000 por ação preferencial de classe "B"; R$ 0,220928937550673 por ação preferencial de classe especial (golden share); e R$ 0,220928937550673 por ação ordinária. Farão jus ao recebimento dos dividendos apenas acionistas da companhia titulares das ações constantes da base acionária na quinta-feira, 27 de abril.

Petrobras (PETR3, PETR4): aprovou dividendos complementares no valor de R$ 2,85956192 por ação (ordinária ou preferencial) em circulação. O pagamento do referido dividendo complementar será realizado em três parcelas:

  • A primeira em 19 de maio de 2023, no valor de R$ 1,42978096 por ação (ordinária ou preferencial).
  • A segunda em 16 de junho de 2023, no valor de R$ 0,91106456 por ação (ordinária ou preferencial).
  • A terceira parcela em 27 de dezembro de 2023, no valor de R$ 0,51871639 por ação (ordinária ou preferencial).
  • A data de corte para os detentores de ações de emissão da Petrobras negociadas na B3 foi quinta-feira, 27 de abril.

Neoenergia (NEOE3): aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 0,5838428214 por ação ordinária. O pagamento dos dividendos será feito em dezembro de 2023, com base na posição acionária de quinta-feira, 27 de abril de 2023.

SLC (SLCE3): aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 2,59718105 por ação ordinária. Os dividendos serão de direito dos acionistas da companhia com ações em 04 de maio de 2023. O pagamento será feito no dia 18 de maio de 2023.

Multiplan (MULT3): reportou resultados referentes ao 1º trimestre de 2023, onde teve lucro líquido de R$ 207,2 milhões, crescimento de 20,8% em relação ao 1º trimestre de 2022. O Ebitda foi de R$ 357,7 milhões, crescimento de 21,1% em relação ao 1º trimestre de 2022. A receita líquida da Multiplan no 1º trimestre de 2023 chegou a R$ 417,6 milhões, alta de 12,3% na comparação anual.

**********

Veja como foi o fechamento de dólar, euro e Bolsa na quinta (27):

Dólar: -1,52%, R$ 4,98
Euro: -1,6%, R$ 5,492
B3 (Ibovespa): +0,6%, 102.923,31 pontos

**********
NA NEWSLETTER UOL INVESTIMENTOS

A newsletter UOL Investimentos dá dicas sobre como investir R$ 10 mil de acordo com seu perfil (conservador ou arrojado). Veja as opções e entenda qual delas é melhor para você. Para se cadastrar e receber a newsletter semanal, clique aqui.

Queremos ouvir você

Tem alguma dúvida ou sugestão sobre investimentos? Mande sua pergunta para uoleconomiafinancas@uol.com.br.

Mais dicas de investimentos

Quais são as empresas mais endividadas da Bolsa? Qual o risco de investir? Leia mais

Ações de brasileira dobram após parceria com Shein; vale investir? Leia mais

Como juntar R$ 10 mil em uma reserva de emergência? Comece com R$ 100. Leia mais

Viu um investimento que promete dinheiro rápido? Saiba identificar um golpe. Leia mais

UOL Investimentos

Como fazer o dinheiro render mais com os novos bancos sem fazer bagunça. Leia mais

Quanto preciso juntar para ter R$ 10 mil por mês e torrar na aposentadoria. Leia mais

As opiniões emitidas neste texto são de responsabilidade exclusiva da equipe de Research do PagBank e elaboradas por analistas certificados. O PagBank PagSeguro e a Redação do UOL não têm nenhuma responsabilidade por tais opiniões. A única intenção é fornecer informações sobre o mercado e produtos financeiros, baseadas em dados de conhecimento público, conforme fontes devidamente indicadas, de modo que não representam nenhum compromisso e/ou recomendação de negócios por parte do UOL. As informações fornecidas por terceiros e/ou profissionais convidados não expressam a opinião do UOL, nem de quaisquer empresas de seu grupo, não se responsabilizando o UOL pela sua veracidade ou exatidão. Os produtos de investimentos mencionados neste material podem não ser adequados para todos os perfis de investidores que, antes de qualquer decisão, deverão preencher o questionário de suitability para a identificação do seu perfil de investidor e da compatibilidade do produto de investimento escolhido. As informações aqui veiculadas não devem ser consideradas como a única fonte para o processo decisório do investidor, sendo recomendável que este busque orientação independente e leia atentamente os materiais técnicos relativos a cada produto. As projeções e preços apresentados estão sujeitos a variações e podem impactar os portfolios de investimento, causando perdas aos investidores. A rentabilidade obtida no passado não representa garantia de resultados futuros. Este conteúdo não deve ser reproduzido no todo ou em parte, redistribuído ou transmitido para qualquer outra pessoa sem o consentimento prévio do UOL.