Dólar fecha em alta, a R$ 3,116, após maior queda em mais de 6 meses

Do UOL, em São Paulo

  • Karen Bleier/AFP

O dólar comercial fechou esta quinta-feira (16) em alta de 0,14%, cotado a R$ 3,116 na venda. Na véspera, a moeda norte-americana havia caído 1,83%, a maior queda diária em mais de seis meses e o menor valor em duas semanas.

O mercado ainda repercutia a decisão do banco central dos Estados Unidos (Federal Reserve, ou Fed) de subir a taxa de juros em 0,25 ponto percentual, para a faixa entre 0,75% e 1%. Apesar da alta, o Fed não indicou qualquer plano de acelerar o ritmo de aumento, reforçando a visão de mais duas altas neste ano.

Juros mais altos nos EUA podem atrair para lá recursos aplicados em outros mercados onde as taxa hoje são mais vantajosas, como o brasileiro.

No Brasil, as atenções continuavam voltadas para a lista que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, entregou ao STF (Supremo Tribunal Federal) na terça-feira (14), pedindo a abertura de 83 inquéritos contra políticos. A lista inclui nomes do primeiro escalão do governo Michel Temer, o que pode atrapalhar o andamento de votações importantes no Congresso, como a reforma da Previdência. 

Além disso, o Banco Central voltou a atuar no mercado de câmbio, o que não fazia desde o final de fevereiro.

(Com Reuters)

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos