PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Cotações

Bolsa sobe 1%, à espera de Previdência; dólar opera em queda, a R$ 3,71

Do UOL, em São Paulo

19/02/2019 15h49Atualizada em 19/02/2019 16h58

A Bolsa operava em alta de mais de 1%, e o dólar comercial caía na sessão de hoje. Por volta das 15h40, o Ibovespa, principal índice da Bolsa brasileira, ganhava 1,4%, a 97.861,99 pontos, e a moeda norte-americana se desvalorizava 0,61%, a R$ 3,71 na venda.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, se refere ao dólar comercial. Para turistas, o valor sempre é maior.

Reforma da Previdência

Investidores aguardavam o envio da proposta de reforma da Previdência ao Congresso, previsto para amanhã. Segundo o porta-voz da Presidência, Bolsonaro entregará o projeto pessoalmente aos parlamentares. Na semana passada, o governo divulgou que o texto incluirá uma idade mínima para a aposentadoria, de 62 anos para mulheres e 65 para homens.

O mercado considera que reformar o sistema de aposentadorias é crucial para melhorar a situação fiscal e a economia do país. 

Demissão de Bebianno

Também afetavam o mercado os desdobramentos da crise política do governo Jair Bolsonaro, após a demissão de Gustavo Bebianno, então ministro da Secretaria-Geral da Presidência e um dos principais articuladores da campanha presidencial de Bolsonaro. Bebianno está envolvido em denúncias de um esquema de candidaturas laranjas dentro do PSL, o partido do presidente. 

Nesta terça foram divulgados áudios revelando que Bolsonaro conversou com Bebianno, desmentindo o presidente. 

Cenário externo

No exterior, China e Estados Unidos iniciam hoje mais uma rodada de negociações. Há expectativa de que as duas maiores economias globais cheguem a um acordo que encerre a guerra comercial. Ambos os lados têm dito que progressos foram feitos, mas poucos detalhes das conversas foram tornados públicos.

Atuação do BC

O Banco Central vendeu 10,33 mil swaps cambiais tradicionais, correspondentes à venda futura de dólares. Assim rolou US$ 6,198 bilhões dos US$ 9,811 bilhões que vencem em março. 

(Com Reuters)

Entenda como funciona o câmbio do dólar

UOL Notícias
PUBLICIDADE

Cotações