PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Cotações

Bolsa cai 0,84% e volta aos 122 mil pontos; dólar sobe 0,23%, a R$ 5,337

Ibovespa cai 0,84%, enquanto o dólar sobe 0,23% na sessão de hoje - Getty Images/iStock
Ibovespa cai 0,84%, enquanto o dólar sobe 0,23% na sessão de hoje Imagem: Getty Images/iStock

Do UOL, em São Paulo

25/05/2021 17h21Atualizada em 25/05/2021 17h38

Após registrar alta de mais de 1% na véspera, o Ibovespa voltou a cair e fechar abaixo dos 123 mil pontos. Com a queda de 0,84% na sessão de hoje, o principal índice da Bolsa de Valores brasileira (B3) chegou aos 122.987,71 pontos.

O mês ainda segue positivo para o Ibovespa, que acumula alta de 3,44% desde o início de maio. No ano, a valorização é de 3,34%.

Já o dólar reverteu a tendência de queda registrada pela manhã, encerrando o dia em alta de 0,23%, cotado a R$ 5,337 na venda. A moeda americana ainda acumula queda de 1,75% em maio, mas soma valorização de 2,86% frente ao real desde o início de 2021.

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para quem vai viajar e precisa comprar moeda em corretoras de câmbio, o valor é bem mais alto.

EUA trazem alívio

Apesar da alta registrada pela moeda americana, o sentimento do dia foi de alívio dos temores sobre a inflação nos Estados Unidos, depois que autoridades do Fed (Federal Reserva, o Banco Central americano) reforçaram sua visão de que os picos nos preços devem ser temporários e sua política monetária expansionista será mantida.

A perspectiva de juros baixos por mais tempo nos EUA pode beneficiar ativos de países emergentes — como o Brasil —, uma vez que os investidores tendem a buscar retornos mais altos fora da maior economia do mundo.

CPI da Covid

Paralelamente, no Brasil, o mercado acompanhou a retomada dos depoimentos na CPI da Covid, que hoje ouviu a secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Mayra Pinheiro, conhecida como "capitã cloroquina". A sessão foi encerrada por volta das 17h, sem que todos os senadores inscritos tivessem feito perguntas, o que deixa em aberto a possibilidade de Mayra voltar a depor.

Relator da CPI, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) preparou um documento em que aponta ao menos 11 contradições no depoimento da secretária. Entre os destaques, estão declarações sobre o "tratamento precoce", o uso da cloroquina no tratamento da covid-19 — ainda que comprovadamente ineficaz — e a crise sanitária no Amazonas.

Para amanhã, a partir das 9h, está prevista uma sessão deliberativa para votar requerimentos que devem nortear os próximos passos da investigação. Até semana passada, a CPI acumulava 343 pedidos pendentes de apreciação, de acordo com a Agência Senado. Deste total, 188 sugerem a convocação de testemunhas. É nesta sessão que deve ser definido quem prestará depoimento na quinta-feira (27).

* Com informações da Agência Senado e Reuters

Cotações