PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

Só tenho R$ 50 para investir por mês; consigo ganhar dinheiro?

R$ 50 são o suficiente para investir em títulos do Tesouro, renda fixa e renda variável - LUIS LIMA JR/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
R$ 50 são o suficiente para investir em títulos do Tesouro, renda fixa e renda variável Imagem: LUIS LIMA JR/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
só para assinantes

Fernando Barbosa

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/07/2022 11h00

Esta é a versão online para a edição desta quinta-feira (21) da newsletter UOL Investimentos. Para assinar este e outros boletins e recebê-los diretamente no seu email, cadastre-se aqui. Quem assina o UOL ainda recebe duas newsletters exclusivas sobre investimentos.

Muitas pessoas entram no mercado financeiro com a ideia de que só é possível ganhar dinheiro investindo valores muito altos. Mas quais são as opções para o investidor que pode guardar R$ 50 por mês, todos os meses do ano? É possível juntar uma boa quantia?

Para ajudar os investidores que têm pouco para turbinar as finanças, o UOL buscou dicas junto a especialistas. Eles afirmam que embora exista uma limitação de acesso a produtos, há diversas alternativas para quem está começando.

Qual é a melhor opção no Tesouro Direto?

O gestor de investimentos da gestora patrimonial MB Asset, Alexandre Amorim, afirma que a melhor opção é o Tesouro Direto.

Embora ele considere que a melhor escolha seria o Tesouro Selic, que acompanha o nível da taxa básica de juros (hoje em 13,25% ao ano) e custa atualmente em torno de R$ 120, o Tesouro prefixado e o Tesouro IPCA (que segue a inflação) permitem o aporte mínimo pouco acima dos R$ 30.

Renda fixa que segue a Selic? A Selic está com tendência de alta, enquanto a poupança está rendendo pouco mais de 6% ao ano, diz Amorim, o que torna ativos ligados ao CDI mais interessantes.

O CDI é o Certificado de Depósito Interbancário, um título que os bancos utilizam para cobrar uma taxa quando há operações entre as próprias instituições financeiras. Assim, outra opção na renda fixa é investir nos fundos DI, que investem pelo menos 95% do capital em títulos atrelados à Selic ou CDI.

Por regra, o CDI opera sempre em um patamar de 0,10 ponto percentual abaixo da Selic. Portanto, hoje está em 13,15% ao ano.

A perspectiva de economistas consultados pelo Banco Central é que a Selic encerre o ano em 13,75% a.a. e seja reduzida para 10,50% ao ano em 2023, o que indica um bom retorno dos investimentos que seguem a taxa básica no médio prazo.

Devo começar com um investimento conservador? Os especialistas explicam que o aporte de R$ 50 geralmente é feito por pessoas que estão dando os primeiros passos no universo dos investimentos, o que exige certa cautela. Na maioria das vezes, este tipo de investidor é conservador e tem pouco espaço para aceitar eventuais perdas, até pela limitação no orçamento.

Por isso, mais importante que o valor é investir sempre. Então, planejamento financeiro é essencial, afirma o sócio e analista da plataforma Monett, Felipe Paletta. "Quando uma pessoa começa a investir, os aportes vão render retornos muito maiores do que qualquer retorno de investimento."

Ações são uma opção? Apesar do menor espaço para perdas, Paletta, da Monett, afirma que seria interessante colocar metade do valor estipulado em investimentos de risco, como as ações de empresas de varejo. Este tipo de investimento é indicado para os investidores arrojados, que suportam algumas perdas na carteira.

As varejistas apresentaram uma forte queda nos últimos 12 meses e podem se valorizar daqui para frente, acredita.

Na Bolsa de Valores brasileira, a B3, figuram companhias como Magazine Luiza, Americanas, Arezzo, Grupo Soma, e Alpargatas, por exemplo. Outras são Pão de Açúcar e Assaí, que integram o setor de varejo de alimentos. Desde outubro, mês em que muitas ações tiveram o seu pico recente, os papéis estão em queda acentuada.

Veja abaixo as principais ações desse setor que custam até R$ 50, o desempenho desde outubro do ano passado e o preço atual das ações, até 18 de julho:

Magazine Luiza (MGLU3)
Desempenho: -79,1%
Preço atual: R$ 2,77

Grupo Soma (SOMA3)
Desempenho: -47,19%
Preço atual: R$ 9,50

Pão de Açúcar (PCAR3)
Desempenho: -36,,2%
Preço atual: R$ 15,98

Assaí (ASAI3)
Desempenho: - 20,24%
Preço atual: R$ 15,44

Já o head de análise e sócio da casa de análises Levante Ideias de Investimento, Enrico Cozzolino, menciona as ações de empresas do setor elétrico, que são consideradas mais defensivas em períodos de instabilidade econômica, já que é possível repassar os reajustes das tarifas ao consumidor.

Na B3, estão Eletrobras (que foi privatizada recentemente), Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) e Copel (Companhia Paranaense de Energia), por exemplo.

Veja abaixo as principais ações desse setor que custam até R$ 50, o desempenho desde outubro do ano passado e o preço atual das ações:

Eletrobras (ELET3)
Desempenho: +12,59%
Preço atual: R$ 43,89

Copel (CPL3)
Desempenho: +6%
Preço atual: R$ 6,36

Cemig (CMIG3)
Desempenho: -8,74%
Preço atual: R$ 15,66

É possível comprar apenas uma ação por vez, por meio de uma corretora de valores. Existem ações com valores até menores, de até R$ 5. Veja aqui quais são e quais as mais recomendadas por especialistas.

Vale apostar em fundos?

Cozzolino diz que também é possível investir em ações por meio de fundos, para reduzir o risco e ter uma carteira diversificada com poucos recursos.

Paletta, da Monett, menciona os ETFs (Exchange Traded Funds). Basicamente, são fundos de investimento que possuem algum índice de Bolsa como referência, como o Ibovespa, a Bolsa de Nova York ou a Nasdaq.

Neste sentido, o analista indica o BB ETF Ibov (BBOV11), que acompanha o desempenho do Ibovespa, e o Rio Bravo Fundo de Fundos de Investimento Imobiliário (RBFF11), um fundo de fundos, ou seja, um fundo imobiliário que investe em cotas de outros fundos imobiliários. Nos meses recentes, as cotas dos dois ativos vêm oscilando pouco acima dos R$ 50.

Paletta também indica ETFs como o Trend ETF IFIX-L (XFIX11), que segue a composição do IFIX, índice de fundos de investimentos imobiliários, e hoje custa R$ 9,70; o IT Now Small Cap (SMAC11), que acompanha as ações menos movimentadas da B3, com valor de R$ 48; e o It Now IMAT (MATB11), que acompanha os materiais básicos, ao preço de R$ 48,13 por cota.

Quais cuidados são necessários?

O planejador fiduciário da plataforma Fiduc, Guilherme Baía, afirma que a pessoa deve considerar formas de aumentar a renda e controlar as despesas, para que consiga ter mais dinheiro para investir mensalmente.

Pode ser que esse investidor também seja mais vulnerável do ponto de vista financeiro, se só tem R$ 50 para investir por mês. Por isso, o principal ponto é buscar opções que tenham liquidez, ou seja, que o dinheiro esteja disponível rapidamente. Aliás, liquidez e rentabilidade diárias são fundamentais. Dessa maneira, a poupança já fica descartada, já que a remuneração da caderneta acontece apenas após 30 dias do saldo em conta.

"Uma alternativa pode ser as contas remuneradas nas fintechs e bancos digitais. Elas oferecem uma situação semelhante aos fundos DI. Mas é importante frisar que não há uma perspectiva de rentabilidade muito grande, ainda que se busque a renda variável. No entanto, com R$ 50 é possível criar a disciplina para os investimentos", diz Baía.

Este material é exclusivamente informativo, e não recomendação de investimento. Aplicações de risco estão sujeitas a perdas. Rentabilidade do passado não garante rentabilidade futura.

PUBLICIDADE
Errata: o texto foi atualizado
Os desempenhos das ações do Grupo Soma, Pão de Açúcar e Cemig na Bolsa estavam incorretos. A matéria foi corrigida.